segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

LANÇAMENTO DA 1ª. PEDRA DO MONUMENTO AOS COMBATENTES

NÓS SONHAMOS, A OBRA NASCEU
É verdade, o sonho está a ter pernas para andar e como nós, Combatentes, somos daquela casta de homens que dizem NÓS FAZEMOS, aqui está o início daquilo que vai ser o Monumento ao Combatentes de Avintes.

No passado Sábado, dia 18 de Fevereiro, teve lugar a cerimónia do lançamento da 1ª. pedra.

Como tudo na vida, e esta não é excepção, por muito grande que seja a obra ela tem início numa pedra maior ou mais pequena, e esta foi a 1ª. das muitas que formarão o monumento. A cerimónia foi presenciada por muitos combatentes, familiares e amigos, e contou com a presença das entidades civis, militares e religiosas e ainda de várias associações que ajudaram a dar mais brilho a um momento que consideramos de grande elevação e que será num futuro próximo um marco da cultura histórica da nossa Vila de Avintes.

A cerimónia abriu com a actuação do Grupo Coral A20VOZES de Avintes que presenteou o muito público presente com uma bela execução coral com a canção temática - religiosa NO PEITO LEVO UMA CRUZ.
Grupo Coral A20Vozes
Em nome dos Combatentes falou o Presidente da Assembleia Geral, Sr. Dr. Joaquim Cardoso Magalhães, que na sua prelecção focou a Guerra de África e agradeceu a todas as entidades que de uma forma ou de outra nos ajudaram a chegar até aqui, apelando a todas as forças vivas que continuem a apoiar esta iniciativa que nos levará num futuro muito breve à implantação do Monumento.

O Dr. Joaquim Cardoso Magalhães
De seguida tomou a palavra e falou em nome da Autarquia a Presidente da Assembleia de Freguesia, D. Isaura Filipe, que agradeceu o convite e enalteceu o espírito do Monumento, pondo ao dispor da Associação e enquadrado na disponibilidade da Junta de Freguesia toda a colaboração que estiver ao seu alcance. Ao terminar a sua intervenção e em nome do Sr. Arquitecto Octávio Alves, autor do projecto, agradeceu a confiança que os Combatentes depositaram no seu trabalho.
D. Isaura Filipe, Presidente da Assembleia de Freguesia
O Sr. Presidente da Assembleia Municipal fez-se representar pelo Sr. Dr. Francisco Flores, que agradeceu o convite e, como Avintense, enalteceu o espírito empreendedor dos Combatentes para perpetuar todos os Avintenses que participaram na Guerra do Ultramar.

O Dr. Francisco Flores, em representação do Presidente da Assembleia Municipal
Para dar sequência ao protocolo usou da palavra, em representação do Sr. Presidente da Câmara, o vereador Sr. Eng.º. Rui Cardoso, que, em palavras circunstanciais, agradeceu o convite e que dentro das limitações actuais a Câmara estará solidária como sempre esteve com os nossos propósitos e que tentará ajudar, dentro dos limites orçamentais a que estão sujeitos, a levarmos à concretização do nosso sonho, ou seja erigir o Monumento. Procedeu de seguida ao descerramento da 1ª. pedra.

O Vereador Engº Rui Cardoso em representação do Sr. Presidente da Câmara
O Padre José Augusto, pároco da freguesia, proferiu algumas palavras sobre o significado deste momento e procedeu à bênção da pedra.

O Padre José Augusto
Depois de nova actuação do grupo coral, foi cantado, por todos, o Hino Nacional.

A Direcção da Associação congratula-se com a forma ordeira e respeitosa como todos viveram este momento marcante para Avintes e referenciamos o Sr. Presidente da Câmara e o Sr. Presidente da Assembleia Municipal que amavelmente nos informaram que, por compromissos assumidos anteriormente, não lhes era possível estarem presentes.


Irmã do Francisco Monteiro de
Almeida, desaparecido em combate
na Guiné. Era namorada do António
Ribeiro Ferreira morto em combate
em Moçambique

Familiares do Idílio C. Monteiro e

do Manuel F. Almeida que perderam

a vida na Guiné


Irmã do Joaquim de Sousa Ferreira, morto em combate em Angola,
em 4 de Agosto de 1961


Amigos, foi uma festa bonita e acreditem que já passamos aquela fase dos 40 que é a chamada velhice dos jovens, agora estamos na fase dos 60 que é a juventude dos velhos e por isso temos de andar para a frente porque o amanhã é longe e o hoje pode ser tarde.


2 comentários:

CART 3494 - Xime e Mansambo DEC71/ABR74 & camaradas da Guiné disse...

Parabéns pela cerimónia! Agora que foi lançada a 1ª pedra que não fique por aqui, a ver se a obra nasce o mais rápido possível.
Avintes merece!
Sousa de Castro

ricardofigueiredo disse...

Boa tarde Meu Caro Amigo Monteiro,
Antes de mais felicitar-vos , pela forma como decorreu a cerimónia de inauguração da 1ª pedra.Depois incentivar-vos para que nã esmoreçam e continuem de forma entusiasmada para a concretização do Vosso sonho, que no fundo também é o de todos os ex-Combatentes de Avintes.
Como te deves recordar , na cerimónia foram tiradas fotos aos ex-Combatentes das várias frentes - Guiné , Angola e Moçambique. Se me permites a sugestão , não seria de publicar essas fotos no seguimento da reportagem que fizeste já publicar ?
Aqui fica a sugestão e um grande abraço de parabéns e de amizade.
Dispõe de mim para o que precisares.
Ricardo Figueiredo